sexta-feira, 10 de agosto de 2018

Nunca gostei de desistir


Eu gosto muito da vida, mas em alguns dias parece que ela vale mais a pena do que em outros. Não sei dizer direito como é esse sentimento, mas é uma paz interna tão grande, uma sensação inexplicável de tudo-que-eu-fizer-vai-dar-certo. Uma certeza absurda de que demora-mas-acontece. Nunca gostei de desistir, apesar de já ter trocado meu caminho algumas vezes. Mas essa troca de caminho, na minha visão, é uma prova de que a gente muda o roteiro, a viagem, a avenida e os planos pra chegar na não desistência. Estranho pra você? Talvez eu diga mesmo coisas estranhas e que não fazem o menor sentido para quem lê. Talvez não. A gente não precisa seguir um script, dá pra improvisar falas e cenas. E foi o que fiz. Isso prova que a gente não desiste, apenas muda a maneira de conduzir as coisas.

Clarissa Corrêa

quinta-feira, 9 de agosto de 2018

InstaMoments









Essenciais de Verão : Bioderma Hydrabio Eau de soin SPF 30


Bioderma Hydrabio Eau de soin SPF 30,é uma água combina hidratação intensa e proteção contra os raios UV prevenido o envelhecimento prematuro da pele, num gesto único a replicar ao longo do dia. A patente Aquagenium™ estimula a pele a hidratar-se continuamente; enquanto a patente Bioproteção Celular™, combina um complexo fotoprotetor, que reativa as defesas naturais da pele a partir de dentro. A pele é mais forte, mais resistente e mais luminosa novamente. De forma duradoura.


quarta-feira, 8 de agosto de 2018

Feliz Dia Mundial do Gato

Kit básico de maquilhagem


Estes são os produtos que penso que não devem faltar na colecção de quem está a começar a entrar neste mundo da maquilhagem. Claro que podemos ir mais além e o que para uma de nos é básico pode não ser para outra :

Corrector: essencial para tapar as malditas olheiras e qualquer outra imperfeição.

Base ou BB cream : Devem ter em conta as necessidades e o tipo da vossa pele. Gosto muito dos BB creams porque apesar de serem muito naturais,cobrem imperfeições e uniformizam a pele.

Lápis de Sobrancelhas : Para corrigir falhas e delinear as sobrancelhas, que são a moldura dos olhos.

Lápis de olho preto : Nem toda a gente usa lápis de olhos  diariamente, mas é importante ter um

Paleta de sombras / Lápis Sombra : um paleta de sombras neutra , ou alguns lápis sombra( eu sou fã especialmente para aplicar on the go)

Máscara de pestanas: é daquelas coisas que não pode mesmo faltar!

Batom : Escolham um batom que combine com o vosso tom de pele. Escolham uma cor versátil, fácil de usar e que sirva para o uso no dia-a-dia.

Pó Matificante (especialmente no Verão e para quem sofre de pele oleosa ou mista)

Blush  : O blush dá um ar saudável ao rosto.

Bronzer: Alem de ajudar a definir o rosto e como ter o sol todo o ano no nosso rosto.

segunda-feira, 30 de julho de 2018

Frase do Dia : Se NÃO consegues PARAR de PENSAR NISSO, trabalha muito para que ISSO se concretize.


A importância de parar


Vivemos na era do cansaço constante. Começamos a semana cansados, acabamos os dias exaustos.
Existe inclusive o culto do cansaço, a ideia de que se não estivermos constantemente cansados, não estamos a fazer as coisas bem.

Infelizmente, o ritmo acelerado da sociedade moderna tem-nos ensinado a ignorar os sinais de alerta que o nosso corpo nos envia: aliás, passamos grande parte da vida a treinar as nossas mentes para fingir que os nossos corpos não estão cansados, precisamente para sermos mais produtivos.

Hoje quero falar da importância de parar, de descansar e de como poderá afectar-nos.
Vou falar da minha experiência, pois esta sou eu, a stressada, a que corre constantemente contra do tempo.

Os últimos tempos têm sido uma provação aos limites que consigo impor ao meu corpo e ao meu cérebro, antes de começar a falhar.

E cada vez mais dou importância ao tempo. Aquele que é meu, de mais ninguém.
Seguem pequenas dicas do que gosto de fazer para desligar-me do mundo e conseguir descansar.

Chegar a casa e deixar o mundo lá fora. Tirar a roupa, a maquilhagem e vestir a roupa mais confortável. Aquela t-shirt que já viu mil lavagens e está macia, o que funcione para cada um.

Tirar 5 minutos para parar. Respirar, não ligar a televisão, não cair na tentação da internet, simplesmente estar.

Num mundo ideal, descansaria o resto do dia, mas todos sabemos que isto não é bem assim.

Portanto, depois de fazer todas aquelas coisas chatas que toda a gente tem de fazer, uns mais, outros menos, o ideal seria antes de dormir (pelo menos meia hora) desligar todos os aparelhos electrónicos. Televisão, computadores, telemóveis.

E é aqui onde todos nós erramos. Estamos ligados até ao último segundo.

Para minha sanidade, cada vez mais sinto a necessidade de desligar-me, de isolar-me de algo que acaba por consumir a minha energia, mais do que ajuda-me a descansar.

Em dias de cansaço extremo, em que parece que o mundo nos engole os meus truques são sempre os mesmos.

Jantar leve,  reconfortante.

Duche ou banho quente. Para simular os mecanismos do nosso corpo antes de adormecer, o corpo aquece e depois arrefece para dormir. Por isso é essencial que o quarto não esteja demasiado quente ou frio.

Uma bebida calmante. Um chá sem cafeína, um copo de leite morno ou até um dos chás calmantes que existem no mercado.

Aromaterapia. Esta entra no duche, no detergente com que lavas os lençóis ou até em balsamos que podes aplicar em pontos de pressão , e que te ajudaram a enganar o teu cérebro a relaxar.

Gosto de aromas quentes, baunilha ou até mesmo lavanda.

Um saco de água quente, uma bolsa de lama ou até uma almofada de caroços de cereja, que possa relaxar os músculos. Por vezes temos tensões lombares ou nos ombros, que parece que não desaparecem, um destes, que possa ser aquecido até uma temperatura agradável é um belo investimento.

E ao deitar, relaxar os músculos, tentar fazer o exercício de relaxar cada músculo, um de cada vez, desde os dedos dos pés e ir subindo, um a um, a relaxar. Pensar num lugar onde gostamos de estar e o que estamos a fazer.

Tudo isto porque cada vez mais esquecemos-nos que o dormir pouco pode ter danos irreparáveis. E tratamo-lo como algo normal.

Pode conduzir a irritabilidade, dores no corpo, lapsos de memória, dores de cabeça entre muitos outros.

Há que ter atenção quando começamos a falhar em pequenas coisas do dia-a-dia.

Coisas que fazemos todos os dias, que de repente temos de olhar 3 vezes, para perceber o que estamos a fazer. Não ignorem estes sintomas.

Podem conduzir a sintomas mais graves.

O nosso descanso, não deve ser afectado por factores externos que nos dão conforto momentâneo, deve sim, ser valorizado e tido em conta como parte da nossa rotina diária.

Aguardo as vossas dicas para descansar, para sair do modo  “ligado” que estamos sempre.

quinta-feira, 26 de julho de 2018

O mulherio vai todo a Zara comprar o que está exposto como conjunto no manequim da loja e depois ficam espantadas que andem todas vestidas de igual!!! PACIÊNCIA!!!!


Como ignorar/desprezar comentários anónimos maldosos:











Viram? É assim.

Não é a escrever longos textos sobre como não vos incomoda e como vocês nem querem saber do que pensam, nem como isso vos passa completamente ao lado, nem como nem vos afecta, nem como os comentários são provenientes de pessoas maldosas/coitadinhas/poucochinhas/que não devem ter amor em casa. Não. Desprezar é desprezar! 


Ps: Eu demorei para aprender mas consegui.